A-Z índice do site

Chefe da Unrwa entrega carta de demissão do cargo a secretário-geral da ONU

O chefe da Agência da ONU de Assistência aos Refugiados Palestinos, Unrwa, renunciou ao cargo nesta quarta-feira.

A decisão de Pierre Krähenbühl, comissário-geral da Unrwa, foi anunciada pelo porta-voz do secretário-geral da ONU, Stephane Dujarric.

Trabalho

Dujarric contou que o secretário-geral, António Guterres, agradeceu a Krähenbühl pelo compromisso e dedicação constantes à Unrwa e aos refugiados palestinos.

A carta de demissão foi entregue horas após o chefe da Unrwa ter sido afastado do cargo com base numa investigação interna sobre sua gestão e a de outros líderes da agência.

Resultados preliminares davam conta de irregularidades administrativas. Em nota separada, Guterres informou, através de seu porta-voz, que nenhuma das irregularidades envolvia fraude ou apropriação indevida de fundos por parte de Pierre Krähenbühl.

Estados-membros

Guterres disse que a Unrwa faz um trabalho “excelente e essencial para o bem-estar dos refugiados palestinos.”

Horas antes do anúncio da demissão, o chefe da ONU havia nomeado o vice-comissário-geral da Unrwa, Christian Saunders, como chefe interino da agência.

As Nações Unidas destacam que neste momento, é vital que os Estados-membros e outros parceiros continuem comprometidos com o trabalho da Unrwa.

A organização também considera fundamental o apoio da comunidade internacional ao “trabalho da agência nas áreas de saúde, educação e assistência humanitária, que é uma fonte de estabilidade em uma região volátil”.


Direito Internacional e Justiça

Entre as maiores conquistas das Nações Unidas está o desenvolvimento de um corpo de leis internacionais, convenções e tratados que promovem o desenvolvimento económico...