A-Z índice do site

Mensagem por ocasião do Dia Mundial da Alimentação

O SECRETÁRIO-GERAL

16 de outubro de 2023

O Dia Mundial da Alimentação de 2023 ocorre em plena crise alimentar mundial, com o mundo em retrocesso na luta para erradicar a fome e a subnutrição. 

Cerca de 780 milhões de pessoas em todo o mundo passam fome; quase 50 milhões de crianças correm o risco de morrer devido à subnutrição grave. No entanto, o financiamento para o apelo humanitário mundial deste ano é de apenas 32%. 

No nosso mundo de tanta abundância, é incompreensível que uma pessoa morra de fome a cada poucos segundos e que o Programa Mundial de Alimentos (WFP) tenha sido forçado a cortar programas de ajuda essenciais.  

Em 2015, após anos de progresso, os governos estabeleceram o objetivo de erradicar a fome até 2030. 

Contudo, passados oito anos, o número de pessoas que sofrem de fome aumentou consideravelmente. 

Esta crise exige ação: em primeiro lugar e acima de tudo por parte dos governos nacionais, porque são eles os responsáveis por garantir que a sua população tenha o suficiente para comer. 

Porém, muitos governos não dispõem dos recursos necessários para o fazer, pelo que também é necessária uma verdadeira solidariedade internacional. 

As causas duradouras da crise alimentar mundial incluem conflitos, eventos meteorológicos extremos, desigualdade e instabilidade na economia. 


Direito Internacional e Justiça

Entre as maiores conquistas das Nações Unidas está o desenvolvimento de um corpo de leis internacionais, convenções e tratados que promovem o desenvolvimento económico...