A-Z índice do site

Trygve Lie (Noruega)

Trygve Halvdan Lie assumiu funções como primeiro secretário-geral da ONU dia 2 de fevereiro de 1946, ocupando este cargo até à sua demissão em 1952. Político norueguês e diplomata, terá dito ao seu sucessor, Dag Hammarskjöld, “Bem-vindo ao trabalho mais impossível do mundo” no dia da sua eleição.

De origens humildes, Trygve Lie concluiu o curso de direito em Oslo ao mesmo tempo que ocupava a posição de secretário-nacional do Partido dos Trabalhadores. Foi membro do parlamento norueguês e ministro em vários governos entre 1935 e 1941. Durante a ocupação nazi do seu país, Lie foi Ministro dos Negócios Estrangeiros do governo norueguês no exílio, cargo que ocupou até 1946.

5 October 1949. Secretary-General Lie and members of the Headquarters Advisory Committee are seen with the UN flag before it is unfurled atop the completed steel work for the 39-story UN Secretariat building in accordance with the custom of construction workers in 1949.
5 de outubro de 1949. Na foto, o ex-secretário-geral, Trygve Lie e membros do Comité da ONU são fotografados com a bandeira das Nações Unidas à frente da Sede das Nações Unidas, em Nova Iorque. Foto: ONU

Em abril de 1945, Trygve Lie liderou a delegação norueguesa à Conferência Internacional das Nações Unidas sobre Organização Internacional em São Francisco, sendo eleito menos de um ano depois para o cargo de secretário-geral da ONU.

Durante os seus mandatos, lidou com a Guerra que eclodiu após a proclamação da independência do estado de Israel e o conflito de Kashmir, para os quais apenas soluções temporárias foram encontradas.

Lie viu-se obrigado a demitir do seu cargo em 1952, uma vez que não se encontravam reunidas condições suficientes para prosseguir com o seu mandato. Isto deveu-se a pressões por parte da União Soviética e dos Estados Unidos, por diferentes razões.

Faleceu em 1968.


Pandemia empurrou até 132 milhões de pessoas para a fome crônica

A pandemia de Covid-19 prejudicou vários esforços para o alcance da Agenda 2030 dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável.  Em um novo relatório, a Organização das Nações Unidas...

Assembleia Geral da ONU: presidente da República defende diálogo global

O presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, discursou na cerimónia de abertura da 76.ª sessão Assembleia Geral das Nações Unidas (AGNU) tendo-se centrado...

“Sistema de saúde do Afeganistão está à beira do colapso”, declara chefe da OMS

O subsecretário-geral da ONU para Assuntos Humanitários, Martin Griffiths, está liberando US$ 45 milhões para o setor de saúde do Afeganistão. O anúncio foi...